Skip to content Skip to footer

Uruguai goleia Bolívia, assume liderança isolada do Grupo C e encaminha vaga para quartas de final

Sem dificuldades, o Uruguai goleou e Bolívia nesta quinta-feira (28) e encaminhou sua vaga para as quartas de final da Copa América. A equipe celeste venceu por 5 a 0, em jogo válido pela segunda rodada do Grupo C. Com o resultado, a equipe celeste alcançou os seis pontos, deixando Panamá e Estados Unidos com três cada e os bolivianos sem pontuação. Enquanto os uruguaios comemoram o resultado, os bolivianos se complicaram e muito na competição e dependem de um milagre para seguirem vivos. Na última rodada, na segunda-feira, o Panamá enfrenta a Bolívia, enquanto os norte-americanos duelam contra os uruguaios em jogo decisivo. O Uruguai não deu tempo da Bolívia respirar desde o primeiro instante de jogo. O time do técnico Marcelo Bielsa pressionou muito o adversário. Com menos de dois minutos, Darwin Nuñez cabeceou com muito perigo. Mas o primeiro gol não demorou a sair. Aos sete, Pellistri completou uma jogada de todo o ataque do Uruguai e fez de cabeça 1 a 0.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan Esportes e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

WhatsApp

A vantagem não diminuiu o ímpeto dos uruguaios, que viram a Bolívia se arriscar também no ataque. A coragem boliviana ajudou os uruguaios, que tiveram espaço para contra-ataques. E foi assim que saiu o gol de Darwin Nuñez, aos 20 minutos. Insaciável, o Uruguai continuou agressivo e quase fez o terceiro aos 27 minutos de novo Darwin Nuñez, mas a bola bateu no travessão. Aos 36, o atacante perdeu outra boa chance. No segundo tempo, o Uruguai voltou sem a mesma postura ofensiva, enquanto a Bolívia pareceu desanimada. Com isso, a partida perdeu a intensidade.

Só aos 26 minutos o Uruguai teve uma boa chance para ampliar a vantagem, mas Pellistri ‘furou’, após rebote do goleiro Viscarra O lance pareceu ter acordado o Uruguai, que marcou dois gols em quatro minutos. Aos 31, Maxi Araújo aproveitou bom passe de De la Cruz e fez o terceiro. Aos 35, Valverde tabelou com Pellistri e fez o quarto E ainda teve tempo para mais um gol. Aos 43, Arrascaeta, que entrou no lugar de De La Cruz aos 42, cobrou falta na cabeça de Bentancur: 5 a 0.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Leia também


São Paulo faz gol mais rápido do Brasileirão e volta a vencer após sequência negativa


Virada histórica: Panamá surpreende EUA e acirra disputa no Grupo C

 

Leave a comment

0.0/5