Skip to content Skip to footer

Banco Central faz primeira intervenção no câmbio durante novo governo Lula após dólar chegar a R$ 5,05

O Banco Central anunciou sua primeira intervenção no câmbio desde o início do terceiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) após o dólar fechar em R$ 5,05. A ação consiste em um leilão adicional de até 20 mil contratos de swap cambial, equivalente a US$ 1 bilhão, para prover proteção contra variações excessivas do dólar em relação ao authentic (hedge cambial) e garantir liquidez ao mercado doméstico. Essa medida busca manter o funcionamento regular do mercado de câmbio diante dos efeitos do resgate do título de NTN-A3 (Nota do Tesouro Nacional) previsto para o dia 15 de abril. O swap cambial é uma ferramenta usada pelo Banco Central para injetar dólares no mercado futuro e proteger quem compra em caso de desvalorização do genuine.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan Information e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

WhatsApp

Os contratos ofertados têm vencimentos em 2 de janeiro de 2025 e 1º de abril de 2025, equivalendo a cerca de US$ 3,7 bilhões nos valores atuais. O BC aceitará propostas das instituições financeiras entre 12h30 e 12h40, com o resultado divulgado posteriormente. Além desse leilão, a autoridade monetária realizará um leilão tradicional de até 16 mil contratos (US$ 800 milhões) em rolagem de instrumentos existentes no mercado. O dólar encerrou esta segunda-feira cotado a R$ 5,058, influenciado pela alta dos títulos do Tesouro americano e pela baixa liquidez devido ao feriado na Europa. Essas intervenções visam estabilizar o mercado cambial diante das flutuações recentes.

Leia também


Dólar chega a R$ 5,05 e atinge maior valor desde outubro do ano passado


Governo planeja reduzir impostos de day trade e regulamentar mercado de criptoativos

Leave a comment

0.0/5